domingo, 23 de novembro de 2008

Poema

Quando tenho saudades de ti
Não, não choro, não vale a pena
Pego na caneta, no papel
Invento as linhas de um poema.

Um poema, que fala, que sente
Que também tem sua voz
Um poema que diz
Amar é nunca estarmos sós.


Humberto Santos, Caderno nº 32

1 comentário:

MARIA disse...

Este poema, ñ é de autoria do sr. Humberto Deus Santos; Poeta que muito Estimo.Gosto muito do poeta e dos seus poemas que já li, os meus desabafos e os meus sentimentos, e o ultimo Lágrimas e alguns sorrisos, onde figuram cerca de 40 poemas da minha autoria.muitos dos quais se encontram aqui expostos.
poderão ver no meu blogue:http://www.meusentir-mbilro.blogspot.com/